Direito de resposta, Direito dos Clientes, Devir e Críticas.

Bom recentemente expus aqui no meu blog a minha experiência com o atendimento a cliente da Devir.

Interessante como alguns, como um fulano, que se sentiu ofendido pelo meu comentário e disse que parou de ler pois escrevi “Este é mais um Tópico para falar mal da Devir…”

Desculpe aos mais Sensíveis que se ofendem com este tipo de coisa (Inclusive os que se ofendem com o nome do blog), mas está claro que não estou aqui para passar mão na cabeça de ninguém. Elogio quem merece ser elogiado, critico quem merece ser criticado e recentemente ignoro quem desprezo (Pois certas coisas/pessoas não adianta perder tempo).

Primeiro vou postar aqui a conclusão do caso DEVIR

Logo após postar a matéria “Devir e a sua Filosofia do Cavalo” , eu fiquei emocionado em receber a resposta que se segue abaixo:

RE: Origem: Fale conosco site devir – devirnet‏
De:  DevirNet Devir (devirnet@devir.com.br) 
Enviada: terça-feira, 17 de março de 2009 17:59:37
Para:  Gun Hazard Cristiano (gun_hazard@hotmail.com)

Boa tarde

Primeiramente igual a você eu ainda espero uma resposta que me é adiada sempre que procuro o responsave, e em segundo

você usou o e-mail trocado entre o atendimento e você para publicar em um blog sem a devida autorização espondo o nome do funcionario.

Obs. sem previsão para lançamento de 4.0
Provavel que seja no segundo semestre de 2009

Atenciosamente

Erik | DEVIR

 

Lógicamente eu respondi:

——————————————

RE: Origem: Fale conosco site devir – devirnet‏
De:  Gun Hazard Cristiano (gun_hazard@hotmail.com) 
Enviada: quinta-feira, 19 de março de 2009 15:11:36
Para:  Devir (devirnet@devir.com.br)

Primeiro me desculpe se causei algum embaraço para você Erik, minha critica não é para com você como pessoa mas para você como funcionário da Devir.

Segundo o e-mail veio destinado a mim sem nenhum aviso de sigilo então posso sim publicar ele onde e quando quiser.

Mas agora vamos aos Fatos:

Quando foi que fiz este contato?
R: 17/02

Qual foi a resposta que você me deu?
R: Nenhuma. Responder meu e-mail perguntando onde eu li isso não foi uma resposta.

Mesmo depois do meu outro e-mail do dia 17 com o link você não me deu resposta.

Você só me Respondeu porque eu fui a Público expor isto.

Anteriormente também havia feito contato pois havia comprado um livro de vocês (Senhor dos Anéis RPG), com umas 8 páginas em branco, sem impressão. Não pude devolver na loja pois comprei num leilão de livros usados num EIRPG (ou seja comprei também da mão de vocês). Estou até hoje aguardando a resposta deste contato também…

Agora me diga como você como consumidor se sentiria numa situação dessas?

A resposta que você me deu hoje dia 17 de março.

Mesmo que imprecisa era o mínimo de respeito que eu esperava há um mês atrás…

O fato de você não ter uma resposta definitiva por parte da pessoa responsável não quer dizer que você tenha por isso desculpa para ignorar o pedido de informação de um cliente.

Além do fato de que nem vocês que trabalham dentro da mesma empresa não se comunicam e não se respeitam!

Reconheço alguns casos isolados como o Douglas ‘D3’ que tem feito um trabalho de aproximação com o público e o Douglas Reis que sempre foi atencioso e educado mesmo quando a gente só ficava era pegando no pé dele mesmo.

Mas a Devir no Geral está muito mal vista no que diz respeito ao RPG e ao atendimento ao público.

Por favor encaminhe este e-mail para as pessoas responsáveis ai dentro.

E é claro que vou ficar aguardando uma resposta.

Também é claro que vou publicar também estes e-mails inclusive como parte de um “Direito de Resposta” e caso vocês queiram fazer uma declaração também a respeito do que publiquei no meu blog ficarei feliz em publicá-la também.

OBS:

“Mea culpa” pois me expressei mal na minha pergunta original, por achar que o sentido estava óbvio e não pensei que pudesse haver confusão com o lançamento de outros produtos, então vou refazê-la:

“Olá vi no Blog de vocês (link: http://blog.devir.com.br/2008/12/04/casadevidro/) falando que o Livro do Jogador 2 do D&D 3.5 estava pronto (assim como outros livros como por exemplo o Livro dos Monstros 2 do D&D 3.5) mas ainda não havia sido lançado devido às questões de licença da Wizards. Há alguma previsão se o livro sairá ou não?”

Mais uma vez agradeço a atenção e um abraço.

Cristiano.

 

E fiquei este tempão sem postar por estar fazendo trabalho da faculdade e esperando a bendita resposta que até agora não veio…

Deixei o canal aqui aberto para a resposta deste funcionário ou para a resposta Oficial da Devir

Que para manter o costume não veio…

A única razão deste funcionário ter me respondido a segunda vez foi porque “Fiz Escândalo”, e citei o nome e o e-mail que ele me mandou, pois se não, não teria recebido nenhuma resposta.

Será que é isto que a Devir quer? Todos os Insatisfeitos fazendo alarde para serem no mínimo ouvidos e respeitados?

 

Recentemente um amigo me contou algo que eu não sabia, mas gostaria de compartilhar:

Outra pessoa reclamando:

“Eu sei que ele tem que procurar defender os interesses deles, mas será que ninguém nunca reclamou das mancadas que eles dão para com os consumidores?”

 

Colega:

Já. Inclusive para a própria Wizards.

Historinha: Tempos atrás um grupo de jogadores começou a reunir assinaturas e fazer posts no fórum da Wizards, reclamando da Devir. Eles insistiram bastante, fizeram muito barulho.

Tempos depois, por ‘coincidência e sem terem conhecimento da situação’ (aspas significa ironia, pra quem não entende), a Devir começou a abrir canais de comunicação mais ativos com os clientes. Eles foram para a RedeRPG e abriram um tópico lá (a maioria do pessoal que reclamou era da Spell) e começaram a dar mais informações sobre os lançamentos, ouvir as críticas, etc.

Tempos depois o tópico é encerrado e a Devir diz que vai manter todo o contato através do blog da empresa.

Ou seja, teve o choro e eles ficaram algum tempo prestando atenção na gente, mas voltaram ao modelo normal já.

 

Pois é…

Só para lembrar o site do D3System http://www.d3system.com.br/ também saiu do ar…

Legal né?

 

Tem gente que afirma que gosto de “Queimar a Devir” como se isto fosse um passatempo para mim. Gostaria de deixar claro que não tenho repercussão suficiente para isso, nem preciso me dar este trabalho pois a Devir já faz isso sozinha muito bem, sem minha ajuda.

Sou da opinião que Cliente ou Potencial-Cliente deva ser tratado com o mínimo de respeito.

Isso falo como quem já trabalhou também com atendimento a clientes.

Se você não responde um cliente ele deixa de ser Cliente, mesmo se não tiver outro fornecedor…

Esperta é a empresa que ouve as criticas de seus clientes e as levam em consideração antes deles se tornarem Ex-Clientes…

 

E mais para vocês Jogadores e Mestres de RPG se conscientizem de uma coisa:

Ninguém tá fazendo favor para você em publicar RPG.

Eles estão recebendo por isso se o serviço está ruim, reclame sim!

Se não melhorar, como disse no tópico passado, procure novas opções, mas não se submeta a algo que você ache ruim, não engula qualquer coisa só por falta de opção.

RPG, não é arte. Editoras não são Galerias Públicas, Autores não são artistas.

Eles são profissionais. E se não forem, deixem que procurem outra profissão.

 

Mas como eu sou um “Troll” sem educação que manda as pessoas para “puta que pariu”, sem propor um diálogo aberto antes, e como nunca dou chance para as partes envolvidas darem sua versão dos fatos ou manifestarem a sua versão das coisas eu fico “Queimando os Outros”…

 

PIADA FINAL:

Para uma coisa toda esta algazarra serviu…

Agora sabemos que a 4ªed tem de sair até o final de dezembro para a Devir não estourar o prazo novamente…

Obs. sem previsão para lançamento de 4.0
Provável que seja no segundo semestre de 2009

 

 

PS: Agora dando uma de louco… Será que se os cartazes com dizeres “Digo não para a Devir!” se multiplicarem no EIRPG, será que eles se tocam que a coisa é séria?

  1. valberto disse:

    Eu já esperava pela tacanhice da devir em responder. Sério mesmo.

  2. tavernadoleo disse:

    “Digo não para a Devir” poderia se tornar um banner para colocarmos nos blogs, apenas uma idéia.

  3. gilberto disse:

    “Digo não para a Devir” poderia se tornar um banner para colocarmos nos blogs, apenas uma idéia.²

  4. Aluriel de Laurants disse:

    Desiste cara, a Amazon.com te trata melhor, nessas horas fico feliz de ter gasto uma graninha na aula de inglês, estou apoiando qualquer boicote que pudermos dar na Devir, afinal cansei de esperar por qualquer coisa, se eles não atendem o público de D&D que dentre os rpgs é o que mais tem público, imagine eu mero fã de storyteller e querendo se iniciar na 4ª edição de GURPS.

  5. Cassin disse:

    E se eles se tocarem que a coisa é séria, vai fazer diferença?

    ha-ha-ha

  6. Ismael disse:

    Uia! Não é que o comentário do seu colega faz sentido? O movimento não foi apenas na Wizards, mas também no fórum da WW e SJG. Perguntava-se porque licenciar material a uma empresa que não publicava livros (especialmente no caso da SJG) e sugeria-se procurarem outra editora. Eu participei do coro. Com a iniciativa D3 e com o blog da Devir (que sempre tinha as dúvidas esclarecidas pela Maria Zanini) achei que a coisa havia mudado. Ledo engano.

  7. Frederick Vaz disse:

    Bem que poderia-se começar esse movimento novamente.

    Mandei um e-mail para eles questionando sobre o que eles pensam da 4e ainda não ter sido lançada no Brasil após 9 meses do lançamento pela Wizards. Vamos ver se consigo uma resposta.

  8. Ismael disse:

    Vejam só, o blog oficial da Devir não entra mais. Desistiram do RPG ou do público?

  9. Gun Hazard disse:

    Pelo “radio-fofoca” dizem que os canais estão fechados para se focarem no lançamento da 4ªed…

    Mas sinceramente não sei se estes canais irão voltar…

  10. Nordestinus disse:

    Só acredito na Devir quando se fala em Magic e HQ’s.
    Quando se fala em RPG a Devir é a fonte de quem mais se pode desconfiar…

    Infelizmente…

  11. Guilherme "Göltork" disse:

    Ótimo post, Gun!

  12. Frederick Vaz disse:

    Esse negócio de fechar os canais de comunicação para se focar nos lançamentos da 4ed não cola.

    Mas como não é algo confirmado oficialmente não posso divagar nada sobre o assunto.

    Acabo de fazer uma visita ao Contatos Imediatos e descobri que eles finalmente fizeram uma atualização(embora meu comentário ainda aguarde moderação).

    Como estou na expectativa de saírem os livros da 4e nem vou comentar mais nada por lá por enquanto(mesmo porque com a chegada do bebê não vou poder comprar os livros ainda).

    Quero mesmo é ver o desfecho da coisa ^^

  13. Jaime Daniel disse:

    É bom observar que cada editor responde pela sua linha, e aprova/desaprova os comentário referentes.

    D3 deve estar ocupado com os últimos detalhes do D&D e por isso não deve estar atualizando nem o D3 System e nem sua parte no Contatos Imediatos

  14. E quem disse que o d3system é blog da Devir?
    O blog da Devir é o “Contatos Imediatos” e somente ele.

  15. Jaime Daniel disse:

    Grande verdade, mas o pessoal sempre confunde…

  16. Gun Hazard disse:

    Verdade Johnny isto é um coisa que o pessoal do D3 sempre fez questão de frizar…

    …MAS…

    Mesmo eles as vezes tropeçam na hora de distinguir uma coisa da outra como na época que usavam o D3 para discutir o processo de tradução da 4ªed, ou fazendo enquetes…

    Resumindo na hora que alguém reclamava eles jogavam:
    “Não adianta reclamar com a Gente… tem de procurar os Canais da Devir”

    Que como demonstrado aquí também não funcionam…

  17. Jaime Daniel disse:

    Na verdade, acabei de ver que seu comentário foi aprovado no Contatos Imediatos
    http://blog.devir.com.br/2009/02/18/erratas-de-vampiro-e-lobisomem/#comments

    Mas sendo basicamente reclamações sobre atendimento e D&D, a MC Zanini não vai poder responder sobre isso.

  18. Cobbi disse:

    Resumindo na hora que alguém reclamava eles jogavam:
    “Não adianta reclamar com a Gente… tem de procurar os Canais da Devir”

    Vírgula aí criatura,

    Fazíamos isso sim quando alguém reclamava de algo que não era da nossa ossada, como sobre Mundo das Tervas, GURPS e derivados.

    Nunca deixamos de responder NENHUMA crítica sobre a linha D&D, já que contávamos com grande parte da equipe de tradução como redatores do blog e com o editor da linha como dono dele.

    Mas vir reclamar com um tradutor de D&D que o Call of Cthullu está atrasado é a mesma coisa que ligar na Visa pra chiar da MasterCard.

    Nem desmerece não. Era um esforço do cão fazer as criticas de vcs chegar nos respectivos ouvidos e estamos sofrendo os efeitos óbvio disso até hoje.

  19. Nordestinus disse:

    Mas Cobbi. Então me ajude.

    Para quem os jogadores de Gurps e CoC devem mandar seus e-mails, se quiserem eles respondidos com seriedade?

    Por exemplo: “Não vamos mais lançar esse jogo” ou algo do tipo.

    Veja bem. Não tô cobrando do pessoal do D3. Eu concordo que eles não têm esse dever, mas também concordo que aqui e acolá, dão uma bola fora, fazendo uso de informações privilegiadas, por trabalhar lá e por não ferir regulamento nenhum [creio eu].

  20. Mas é claro que o D3 terá informações privilegiadas… ele é Editor de D&D.

    Vamos seguir a linha de raciocínio:
    Se ninguém fala nada, são relapsos.
    Se alguém resolve dar informações, coletar sugestões e ouvir o público no seu site pessoal… é uma bola fora.

    Todo mundo é confuso demais pra mim.

    To fora dessa discussão, isso não leva a nada.

    Abraços for all!

  21. Cobbi disse:

    No entanto, toda empresa pontos fracos. Um dos maiores na Devir é o atendimento ao público. Vocês estão cobertos de razão em reclamar. Não acho que devam parar. Como “insider” (como o Rocha nos classificou no último Encontro de Blogs) posso te dizer que por mais sem resposta que as msgs de vcs fiquem, funciona.

    Não deixa de ser desrespeito (para o caso das reclamações educadas), mas funciona.

    Só me manifestei aqui porque reclamar da Devir é uma coisa. Reclamar do d3System é outra completamente diferente. Tanto, que nem reagi sobre o argumento de que ajudamos a fazer confusão com as ajudas na tradução e enquetes que fizemos por lá. Vocês tem razão nisso. Foi um erro mesmo. Mas dizer que não fizemos nosso trabalho de contato com o público é uma injustiça dos Nove Infernos!

  22. Nordestinus disse:

    Espero que ninguém tenha me entendido errado.
    Não acho que o D3 tenha que responder nada pela Devir.

    Como disse o Cobbi, esse é um dos maiores [se não o maior] defeito da Devir.

    Mas Cobbi. Você não respondeu a minha pergunta.

    Com quem os jogadores de sistemas ainda não lançados deveriam reclamar [educadamente, é claro]?

    “Mesmo eles as vezes tropeçam na hora de distinguir uma coisa da outra como na época que usavam o D3 para discutir o processo de tradução da 4ªed, ou fazendo enquetes…”

    Johnny, para mim o que o Gun falou nesse ponto é de todo verdade. Nesse ponto eu acho que é bola fora do D3. Mas é só uma opinião. Nunca reclamei no blog nem pretendo reclamar algum dia. Mas eu continuo achando um erro.

    Se o blog não quer ser visto como “oficial” por que continuar trabalhando com material exclusivo ou inédito, a que só eles têm acesso? Se você acha que ele tem esse direito por ser o editor [não o blog, mas sim O D3] ele tem que aceitar que a grande maioria vai ver o seu blog como oficial, afinal, só ele teria informações sobre certos materiais.

  23. Cobbi disse:

    Mas Cobbi. Você não respondeu a minha pergunta.

    Com quem os jogadores de sistemas ainda não lançados deveriam reclamar [educadamente, é claro]?

    Respondi sim.

    Vocês estão cobertos de razão em reclamar. Não acho que devam parar. Como “insider” (como o Rocha nos classificou no último Encontro de Blogs) posso te dizer que por mais sem resposta que as msgs de vcs fiquem, funciona.

    Não tem muita alternativa. Uma é o eterno Fale Conosco. Outra é o recente Contatos Imediatos. Tem telefone também, 11 2127 8787 (horário comercial).

    O fórum da REDE RPG>/a> e, mais tarde, o blog do d3system também eram alternativas para quem queria falar com a equipe de D&D. Mas, infelizmente, o d3system está suspenso por tempo indeterminado.

    Sobre d3system dar bola fora, ou não: calma galera. Concordo que ajudamos na confusão do “devir3system” com a maneira como fizemos as enquetes pra tradução. Mas entendam: vcs queriam participação e contato, nós fizemos tudo o que podíamos por isso. Exageramos e erramos. Ponto.

    Agora escrever para contato@d3system.com.br metendo pau pq “eu não publiquei Cthullu”?

  24. Nordestinus disse:

    Cobbi. Nessa questão de “meter o pau” em alguém do D3 eu posso dizer que não me encaixo.

    Por isso perguntei aqui para você, numa conversa mais amigável e aberta, sobre os contatos da Devir para responder sobre dois sistemas que usei como exemplo.

    Mas olha. Acho que não me expressei bem. Vou tentar ser mais específico.

    * Se a dúvida é enviada para o Fale Conosco a resposta é sempre a mesma: “Estamos trabalhando, mas sem previsão de lençamento.”

    * No Contatos Imediatos, alguém já teve a curiosidade de fazer uma pesquisa na página com a palavra “GURPS”? Lá eles citam esse termo na página inicial. Dentro de notícias, notas ou qualquer coisa do tipo, essa palavra nem existe no blog.

    * Na Rede, lembro-me de ter perguntado na época que o D3 respondia na Casa de Vidro. A resposta dele foi que ia pedir para alguém do setor responsável por Gurps que respondesse ou lhe passasse uma posição oficial [não com essas palavras, é claro]. E até hoje ninguém diz se a Devir vai fazer ou não vai.

    * No telefone eu nunca tentei. Moro longe pacas de Sampa. Ligar pra lá, gastar uns trocados para ter a mesma resposta [ou nenhuma] sobre Gurps, seria tolice de minha parte. Como disse nunca tentei. Nesse caso é puro ‘achismo’ meu.

    * E no D3 System eu nunca toquei no assunto Gurps para dúvidas ou algo do tipo. Já falei sim, mas em meio a conversas e discussões. Como já disse, sou um dos que entendem que o blog de vocês não é da Devir.

    Como disse, nenhum dos meios de comunicação da editora se posiciona definitivamente sobre Gurps ou CoC. E é isso que me incomoda. Eles poderiam lançar uma nota oficial do tipo:
    “Esqueçam. Não vamos mais lançar Gurps. Quando o contrato terminar não vamos renovar, etc, etc, etc…”. Ou a nota sonhada pelos jogadores desses sistemas, dizendo uma data certa para o lançamento deles.

    Entende? Contato com a editora existe. O que não existe é posição oficial. E na minha opinião, receber um e-mail da editora falando sobre ‘achismos’ ou “sem data definida” é o mesmo que não receber nada.

    Espero que não tenha parecido mal-educado ou prepotente. São minhas dúvidas e minhas opiniões. Só isso.

  25. Cobbi disse:

    Mas olha. Acho que não me expressei bem.

    Expressou sim. Minha bronca é clara: só me meti quando o Gun Hazard sugeriu que a nossa equipe fugia da raia. Tomei cuidado de citar o cara pra não causar confusão.

    Isso não é verdade. Quem acompanhou nosso trabalho sabe que não é. Entretanto, como eu disse, a Devir não é perfeita e vcs estão cobertos de razão em reclamar dela. Só não confundam as coisas.

    Entende? Contato com a editora existe. O que não existe é posição oficial.

    Como eu disse, por mais sem resposta que as msgs de vcs fiquem (o que não deixa de ser desrespeitoso com o cliente), de onde estou vejo que as reclamações funcionam quando chegam no lugar certo e do jeito certo. Por isso gastei (e gasto) tanto tempo ajudando isso a acontecer da melhor forma que posso. Por isso estou aqui, inclusive.

    No caso específico do GURPS e CoC, era exatamente isso que nós do d3system fazíamos: levamos as reclamações até as pessoas certas (mesmo pq não há mais nada ao nosso alcance). Agora, com o nascimento do Contatos Imediatos, eles cumprem essa função. Essa, inclusive, é uma das razões de ser desse blog.

    Contudo, sobre a questão principal (a posição oficial da editora sobre essas linhas) só depende da própria editora e de seus respectivos responsáveis. Nem o d3system, nem o Cobbi e nem o Zé do Caixão podem fazer mais nada além do que já vínhamos, respectivamente, fazendo: ajudando as reclamações a chegarem ao lugar certo (ok, confesso, o Zé do Caixão não ajudava em nada).

    Diante do silêncio da editora, resta ao público reclamar. Como eu disse, vocês tem razão nesse ponto.

    Finalmente, para evitar que essa confusão continue acontecendo, se o blog do d3system voltar ao ar ele não terá NENHUMA OU QUALQUER relação com a Devir. As informações internas da empresa serão fornecidas no site da empresa. A Equipe D3System não usará mais seu “acesso privilegiado” para beneficiar o blog. O custo disso é um canal de comunicação a menos para o público, mas foi a decisão da equipe e, aparentemente, desejo dos nossos leitores.

  26. Nordestinus disse:

    Acho essa uma das duas decisões mais acertadas. Ou aceita que os leitores reclamem por usar de informação oficial, ou, como vocês decidiram, continuem o trabalho de vocês, independente da editora.

    Sou leitor do D3System e espero que ele volte.

  27. Gun Hazard disse:

    Em primeiro lugar seja bem vindo Cobbi.

    E em segundo muito obrigado por estar participando.

    Agora…

    Expressou sim. Minha bronca é clara: só me meti quando o Gun Hazard sugeriu que a nossa equipe fugia da raia. Tomei cuidado de citar o cara pra não causar confusão.

    Foi assim que pareceu?
    Desculpe!

    Eu não quis dizer que vocês “Fugiam da Raia” a intenção era exatamente o contrário, dizer que vocês tinham muito boa vontade, mas que na hora que a a coisa realmente fugia da ossada de vocês ou caia em algo que vocês às vezes não pudessem responder (Inclusive por motivos profissionais).

    Nós tinhamos que nos contentar em cair novamente nos “canais sem retorno”…

    Ou seja não é uma afirmação mas uma exclamação de frustração por cair no mesmo problema.

    Isso para mim está claro que não é, nem nunca foi culpa de vocês do D3.

    Mas para quem fica de fora pensa:
    “Poxa eles trabalham lá! Será que eles não podem passar o recado que nós clientes temos problemas? Que o filme da empresa está queimado?”

    E talvez por isso que alguns tenham recorrido a vocês para fazer crítica, pois foi o único local que “VIRAM” que no mínimo alguém deu atenção para eles.

    O “viram” ficou em maiúsculo pois você nos confirmou que mesmo sem receber a resposta que nossas reclamações são no mínimo lidas e levadas em consideração.

    Apesar da minha frustração pessoal com o contato com a Devir eu gostaria muito de poder falar bem dela e dar boas noticias.

    Tanto que esperei muito no entre posts exatamente aguardando alguma resposta oficial

    Considere aqui como uma porta sempre aberta…

  28. Cobbi disse:

    Desculpas aceitas, mal-entendido esclarecido. 😀

    Tem um pedaço do seu comentário que eu acho que resumo toda essa discussão e que, no fundo, no fundo exprime bem o sentimento de todo RPGista brasileiro:

    Apesar da minha frustração pessoal com o contato com a Devir eu gostaria muito de poder falar bem dela e dar boas noticias.

    Isso sim eu acho que valeria uma campanha nos blogs por aí.

    Parabéns pela gentileza e obrigado pelas boas vindas.

  29. Nordestinus disse:

    É Cobbi, acho que agora concordamos.
    Eu curto muito a Devir, pelo apoio a eventos e facilidades que ela proporciona. O maior dos problemas é o setor de comunicação.

    Mas o comentário do Gun traduz bem o sentimento…

  30. Jaime Daniel disse:

    Salve Gun!

    Se vc ainda tem o livro, é possível troca-lo. Expliquei seu problema e disseram que podem trocar. Quando quiser fazer isso me avisa que damos um jeito.

    abçs